Encontro da ULFRO

por Gilmar Ayres Silveira Nunes publicado 02/12/2019 08h03, última modificação 02/12/2019 08h03
Vereadores de toda região debatem projetos comuns para a fronteira com as participações de técnicos e gestores especializados em diversas áreas de interesse comunitário, a exemplo da destinação de resíduos sólidos, a situação do IPE e ainda direitos dos usuários de serviços públicos no Rio Grande do Sul.
Encontro da ULFRO

Mesa diretiva do encontro da ULFRO

Representantes das Câmaras de Vereadores de vários municípios da Fronteira Oeste participam nesta quinta e sexta-feira de mais um encontro ordinário da União dos Legislativos da Fronteira Oeste – ULFRO, entidade que reúne vereadores de 13 cidades da região e que foi reativada neste ano após mais de 10 anos de inatividade. O encontro, realizado no plenário da Câmara de Vereadores de Livramento, contou ainda com as participações de técnicos e gestores especializados em diversas áreas de interesse comunitário, a exemplo da destinação de resíduos sólidos, a situação do IPE e ainda direitos dos usuários de serviços públicos no Rio Grande do Sul.

A ULFRO foi reativada com o objetivo de representar os interesses regionais e ao mesmo tempo fortalecer as lutas por demandas comuns para o desenvolvimento dos municípios da região. A atual diretoria é presidida pelo vereador Mario Augusto Teixeira de Sousa, contando ainda com representantes das demais Câmaras de Vereadores da região. Sant’Ana do Livramento é representada na atual diretoria da ULFRO pelo vereador Carlos Nilo Pintos. Segundo o presidente da entidade, a diretoria terá mandato de um ano, sendo renovada no início de cada período legislativo em forma de rodízio, para que todas as Câmaras de Vereadores ocupem o cargo máximo da ULFRO.

Na tarde de quinta-feira, com as participações do gerente regional da FEPAM RS, engenheiro Marco Antônio Tirelli, e ainda de representantes das áreas de saneamento e serviços urbanos de Prefeituras da região, foram debatidas alternativas para a situação dos aterros sanitários. Na sexta, entraram na pauta: a nova realidade do IPE Saúde, com a participação do diretor-presidente do órgão, Marcus Vinícius Vieira de Almeida; o Código de Defesa dos Usuários de Serviços Públicos, com a participação do presidente da União dos Vereadores do Rio Grande do Sul, Silomar Garcia, e; o panorama da destinação dos resíduos no Rio Grande do Sul e na Fronteira Oeste, com a participação do Diretor de Desenvolvimento de Negócios da Companhia Riograndense de Valorização de Resíduos-CRVR, engenheiro Leomyr de Castro Girondi.

O encontro ainda abriu espaço para a apresentação de demandas, propostas e indicações pelos vereadores participantes. Dentre outras demandas apresentadas à apreciação dos vereadores presentes, uma proposta de Moção de Apoio à manutenção das atividades da Emater RS/ASCAR, diante do iminente risco de que o órgão seja atingido pelas medidas de adequação administrativo-financeiras anunciadas pelo Governo do Estado. A proposição, protocolada pelo presidente da Câmara de Vereadores de Livramento, vereador Maurício “Galo” Del Fabro, foi aprovada por unanimidade pelos participantes do encontro.

Da mesma forma, foram aprovadas por unanimidade propostas apresentadas pelos vereadores Evandro Gutebier, Antônio Zenoir e Lídio Mendes – MELADO, além de legisladores de Rosário do Sul, Quaraí, Alegrete, Maçambará, Uruguaiana, São Gabriel, São Borja e Manoel Vianna, de pedidos conjuntos dos municípios, representados pela ULFRO, para que o Governo do Estado destine retroescavadeiras e/ou draga para atuar no desassoreamento dos arroios e córregos na região e ainda para que providencie a recuperação e manutenção das estradas estaduais e encaminhe junto ao Governo Federal pedidos para que proceda a recuperação das rodovias federais na região. Outra demanda que será encaminhada pela ULFRO será referente a medidas de incentivo para o setor primário, especialmente a produção orizícola, que vem sofrendo perdas frequentes em razão de mercado, do avanço de outras culturas como o soja e ainda os efeitos das mudanças no clima.

Fotos: Ana Paula Potter e ASCOM/CV